Delícia banhada à hortelã 0 365

Desde a inauguração do bar Cathedral, o chef Luciano Alves encanta a clientela com a suculenta e diferente picanha de cordeiro

Com um vasto cardápio oferecendo tradicionais bebidas como: cervejas, whiskys, sucos, vinhos e caipirinhas, o bar Cathedral busca fazer de seu diferencial a gastronomia. Porções de peixes, kibes, pastéis, batatas coradas ao forno, hambúrgueres com creme cheddar, tomate seco e calabresa, são algumas das deliciosas opções servidas pela casa. Saladas, tábuas de frios e sobremesas como: petit gateu, banana flambada e apetitosas taças de sorvete coberto com farofa, também fazem parte das opções do menu Cathedral.

No entanto, os carros-chefe da casa são o escondidinho de carne seca e uma suculenta chapa de picanha de cordeiro, com molho de hortelã temperado e emulsificado com iogurte. “Desde que inauguramos, temos tido bastante receptividade do público com nossos pratos, mas esse grelhado é o mais pedido”, afirma o chef Luciano Alves.

Tradição nos países europeus, segundo estimativas, no Brasil o consumo de carne de cordeiro não passa de 1 kg per capita por ano, muito abaixo dos 18 kg consumidos na Nova Zelândia. Mas, embora a delícia seja ainda desconhecida de boa parte dos paladares brasileiros, sua presença vem aumentando de maneira significativa, ganhando um bom espaço em restaurantes, hotéis, cantinas, churrascarias e bares.

A receita é uma herança de família e o proprietário do local a trouxe para incrementar o cardápio. “O verdadeiro segredo da nossa fórmula é o carinho, mas é claro que a farofa bem temperada que acompanha o prato também ajuda”, brinca o chef. Todas as chapas oferecidas no bar seguem também com cesto de pães, vinagrete e molho de alho, opcional.

Em tese, é comprovado que o brasileiro é um povo que ‘come com os olhos’. A aparência é apetitosa, o aroma é muito atraente, o sabor é fascinante e os pedaços caem no estômago, com a mesma leveza com que dissolvem na boca. É um prato simples, fácil de ser elaborado, porém cada detalhe que acompanha torna-o diferente, agradando até os paladares mais exigentes.

Para enriquecer sua refeição, o chef aconselha :“Deguste a carne de carneiro com um bom vinho tinto para incrementar e aguçar o sabor”. Depois dessa dica de dar água na boca, não vai ser nada difícil definir o menu do jantar de hoje.

Picanha de cordeiro ao molho de hortelã

 

Porção para 3 a 4 pessoas
Fatiar 800g de picanha de cordeiro.
Temperá-la com sal grosso e colocá-la, em uma chapa
pré-aquecida, para grelhar ao ponto, de 8 a 10 minutos.
Cobrir a carne com cebola, também grelhada.

Para o molho de hortelã:
Misturar um pote de iogurte natural desnatado, meio maço de hortelã, uma pitada de açúcar, sal a gosto, um fio de azeite e um de aceto balsâmico.

Bar Cathedral R. Taubaté, 300, tel: 6197-8300

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As + Acessadas

Video