Disfluência atinge 5% da população brasileira 0 695

No caso dos adultos, o problema é associado, principalmente, à incompetência, ansiedade e despreparo

Codificada na “Classificação Internacional de Doenças” (CID-10), a disfluência, mais conhecida como gagueira, é cientificamente considerada como um distúrbio ou transtorno de fluência da fala.

De origem neurológica ou emocional, a gagueira atinge cerca de 5% da população brasileira, segundo dados do Instituto Brasileiro de Fluência (IBF). Desse total, 1% desenvolve a forma crônica do problema. Porém, a maior dificuldade dessas pessoas ainda é o preconceito da sociedade com relação aos gagos, o que pode trazer sérios problemas emocionais, principalmente quando se trata de crianças. No caso dos adultos, o problema é associado à incompetência, ansiedade, despreparo, prejudicando as relações com amigos, parentes e colegas de trabalho.

Preocupado em melhorar a qualidade de vida das pessoas que sofrem de disfluência, o Grupo Microsom, uma das mais conceituadas empresas de soluções auditivas, trouxe para o País o SpeechEasy, único aparelho que reduz em até 80% a gagueira.

Desenvolvido nos Estados Unidos, o produto trabalha a partir de duas variáveis: tempo e freqüência. Esses dois elementos simulam o efeito coro, um fenômeno natural que reduz a gagueira e permite que a pessoa fale mais fluentemente. Com o aparelho inserido dentro do canal auditivo, o gago escuta sua própria voz com um leve atraso ou em uma freqüência diferente. Essa tecnologia possibilita o aumento da fluência em diversas situações. No entanto, é importante ressaltar que o SpeechEasy não é uma cura e sim um auxiliador no tratamento da gagueira. “Muitas vezes, a pessoa que gagueja é prejudicada em uma entrevista para um emprego e até mesmo em seus relacionamentos sociais”, avalia a fonoaudióloga do Grupo Microsom, Maria do Carmo Alves Branco.

Pesquisas realizadas nos Estados Unidos mostram que 80% dos usuários se sentem satisfeitos com o uso do aparelho. Mais de 85% dos clientes apresentam como vantagens o aumento de confiança, liberdade e autoestima, assim como a melhora nos relacionamentos sociais e profissionais.

No Brasil, o Grupo Microsom tem investido em pesquisas sobre a eficácia do aparelho. A Universidade de São Paulo (USP) e a Universidade Veiga de Almeida (UVA) são exemplos de instituições que se dedicam aos estudos sobre o SpeechEasy, em parceria com a empresa. Para entrar em contato com o Grupo, acesse o site www.microsom.com.br ou ligue para 0800 11 64 91.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As + Acessadas