Da arte de fazer sushis, o sucesso em fazer negócios 0 985

Empresário ensina que é preciso planejar para sobreviver no mercado

Ele começou cedo, na empresa do pai, a ‘Imobiliária Pedro Lima’. Na época com 14 anos, Emerson Lima já tinha o espírito empreendedor, pois ao chegar aos 21 anos, não parou de pensar em ter seu próprio negócio. “Sempre atuei no ramo imobiliário iniciando na empresa de meu pai, e depois dos 21 anos acabei abrindo a minha própria empresa, dentro do mesmo ramo”, comenta.

Agora, como ele migrou de um segmento que trabalha com imóveis, sejam casas, apartamentos ou terrenos, para o setor de alimentação, mexendo com comida, é o grande segredo a desvendar. Emerson explica que como o mercado imobiliário sempre foi flutuante em vendas de imóveis, não conseguia se planejar nem comprar nada a prazo porque não sabia se naquele mês venderia ou não, e como seu espírito empreendedor sempre falou mais alto, já estava em seus planos ter mais que um negócio, que lhe desse mais segurança, com uma renda mensal garantida. “Bom, acabei abrindo vários negócios, desde 0900 a Instituto de Beleza, até que cheguei ao ponto de abrir um restaurante temático, pois naquela época, há 10 anos, comecei a frequentar a culinária japonesa, o que me despertou o interesse de ter mais um negócio”, relembra.

Hoje, são duas unidades do Nafuka Restaurante & Sushi Bar, uma no Tatuapé e outra no bairro da Mooca. Mas como Emerson não para, já está em seus planos abrir mais cinco lojas em São Paulo, dentro do projeto de expansão da rede. “Os restaurantes encontram-se totalmente estruturados e manualizados para uma eventual abertura de franquia”, diz. 

BOM ATENDIMENTO E PLANEJAMENTO

E já que mercado, desafios, negócios, começo, são palavras que não parecem assustar o empresário nem um pouco, Emerson diz que apesar de o mercado em geral estar mais conservador em termos de novidades, para ele, não existe crise no segmento alimentício. “Pode haver certa retração, mas não crise”, arrisca. E lembra que a crise mundial não chegou a afetar os negócios no Brasil, e que sempre vão existir momentos críticos, ainda mais agora em um mundo muito mais globalizado.

Para esse empreendedor do Tatuapé, que vive com o pé no acelerador quando se refere a gerir os negócios, a dica é planejar. “Aprendi isso com uma pessoa muito especial que passou pela minha vida. Só assim, com planejamento o negócio pode vingar e tem chances de sobreviver aos altos e baixos da Economia”, expõe.

Mas é certo que, além de planejamento, Emerson está entre aquelas pessoas que com garra e determinação buscam um diferencial em suas vidas. “Qualidade e bom atendimento são mais do que desejáveis num mercado cada vez mais exigente. Aliados, então, a um bom planejamento, pode-se colher bons frutos”, reforça.

E é assim, inspirado na sabedoria oriental, especialmente na arte da culinária japonesa, que Emerson imprime bons resultados (artha*) diante de seus empreendimentos, pois cumpre seu dharma* de realizar bons negócios.   

*Artha é a riqueza material, atingida pelo uso correto do Dharma, que por sua vez significa missão, dom ou vocação única, conferida a todos no nascimento, que garante o sucesso e a diferenciação dos outros semelhantes quando corretamente aplicado.

Nafuka Sushi
Unidade Tatuapé: Rua Padre Landell de Moura, 309, tel.: 2671-8659
Unidade Mooca: Rua Isabel Dias, 166, tel.: 2021-6207
www.nafukasushi.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As + Acessadas