PROBEN reúne pais para falar de inteligência emocional na educação dos filhos 0 707

O desejo de grande parte dos pais é, sem dúvida, que seus filhos sejam felizes. Para isso, muitos pais dizem que educarão seus filhos seguindo exatamente a conduta de seus próprios pais; já outros dizem que farão tudo ao contrário da educação que receberam, mas se vêem, em muitos momentos, agindo exatamente como seus pais. Muitos almejam ainda dar aos filhos tudo o que não puderam ter, como se as suas necessidades fossem as mesmas do seu filho hoje. Mas seria esse o caminho para a realização do desejo dos pais: ver seus filhos felizes? Não, não é! E quem afirma isso é Rodrigo Fonseca, pai de duas meninas, e presidente da Sociedade Brasileira de Inteligência Emocional, com 21 anos de experiência no assunto. Rodrigo foi convidado pela escola de Educação Infantil e Berçário PROBEN, no Anália Franco, para um bate-papo com os pais e mães ávidos para descobrirem como criar filhos saudáveis, equilibrados e felizes, em meio a tantas crianças estressadas, inquietas e presas ao mundo virtual que são características dos dias atuais.
O segredo para isso, segundo Rodrigo, “é conhecer as próprias emoções e medos – e usá-los para superar barreiras internas e encontrar o nosso caminho na vida. Uma vez que os pais se dão conta da importância de suas emoções em suas vidas, conseguem também dar aos seus filhos educação emocional para que não cresçam frustrados e ansiosos, ensinando-os a expressarem positivamente suas emoções tão naturais como tristeza e raiva”, declara Rodrigo.
Com exemplos práticos do dia a dia, Rodrigo deu dicas para os pais para que seus filhos tenham atitudes permeadas de criatividade e foco, e sejam capazes de liderar suas vidas. Claro, o assunto é muito complexo e exige muito estudo, reflexão e preparo dos pais, mas a intenção do palestrante foi mostrar que existe um caminho a ser percorrido e que a trajetória pode ser muito gratificante quando temos segurança ao tomar as decisões para o desenvolvimento emocional dos nossos filhos.
“A maioria dos pais não dão ao mundo emocional a importância devida. Não reconhecem ou percebem o impacto que as emoções vividas durante a gestação e durante a primeira infância, causam nos relacionamentos, nos aspectos físicos, profissionais, financeiros e nos hábitos diários dos filhos”, ressalta. “Um desenvolvimento emocional saudável é o maior legado que os pais podem deixar aos filhos, um legado muito mais importante do que bens materiais”, conclui Rodrigo.

“Inteligência Emocional para Pais”

Após a palestra, Rodrigo respondeu a perguntas dos pais e realizou uma sessão de autógrafos do seu livro “Inteligência Emocional para Pais”, um verdadeiro manual com dicas práticas para os pais, desde um passo a passo para proporcionar ao filho um sono regular, dicas para uma alimentação saudável, natural e colorida, o início da vida escolar, a importância dos limites, como lidar com a birra e com os desentendimentos na escola, sobre o consumismo infantil e muito outros tópicos que permeiam o dia a dia dos pais, sempre priorizando o ângulo das emoções e ensinando a lidar positivamente com elas. Uma leitura essencial para os pais que citamos logo no início desta reportagem, que almejam a felicidade de seus filhos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As + Acessadas