Bike na veia 0 1065

Irmãos mooquenses organizam passeios ciclísticos para estimular o uso da bicicleta na cidade

Dois irmãos, uma paixão. A paixão pelas magrelas e tudo que a elas se refere. Nascida em 1994, a RVS Bike Quality é administrada pelos mooquenses Ricardo e Rogério Stipkovic que têm na bicicleta o carro chefe de suas vidas desde 1993.

Eles poderiam dedicar-se apenas à loja que possuem na Siqueira Bueno, mas resolveram ir além com a ideia de mobilizar as pessoas por meio de passeios ciclísticos organizados em diversas datas, especialmente nos aniversários de bairro, começando pela Mooca, Belenzinho, Tatuapé, e mais recentemente, a Vila Prudente. “É importante ressaltar que se trata de uma equipe de voluntários que está em todos os passeios nos ajudando a coordenar, dividir os pelotões, enfim, prestar uma assistência no que for necessário”. E tudo isso tem um simples objetivo: criar um momento de lazer e descontração para a comunidade do bairro e regiões próximas. E para manter o assunto e a pedalada em dia, são promovidos passeios mensais:

Pedalada de Domingo, que acontece todo primeiro domingo de cada mês, voltada para principiantes que irão percorrer um trajeto máximo de 8 quilômetros, e o Passeio Noturno, que acontece toda última quinta-feira do mês, para um pessoal mais veterano. Lembrando que todos os passeios promovidos pela RVS têm um cunho social, pois para participar é necessário contribuir com um quilo de alimento não perecível ou um agasalho.

Bicicleta da vez

A bicicleta nunca esteve tão em alta na mídia, seja por motivo de segurança dos ciclistas e da fiscalização que a CET iniciou em maio, para coibir o desrespeito dos motoristas aos ciclistas, ou pelo uso de versões elétricas que não ferem o título de meio de transporte sustentável, em contraposição às versões motorizadas, que são poluentes. Mas mais do que isso, parece haver um certo “movimento” para despertar o interesse das pessoas pela bicicleta que começa a não ser mais vista apenas como um brinquedo ou modalidade desportiva. “Percebemos que o interesse tem aumentado a cada passeio”, comenta Ricardo. Quanto ao item segurança, ele é taxativo: “o ciclista tem que respeitar mais, também. E utilizar os equipamentos necessários, a começar pelo capacete”.

Os passeios organizados pela RVS são uma opção de lazer para a família e ainda estimulam as pessoas a usarem mais a bike

Se a topografia da cidade não colabora muito para se utilizar a bicicleta com maior frequência, dá para se buscar rotas alternativas, como a ciclovia da Radial Leste, que sai do metrô Tatuapé e chega até o Metrô Itaquera. Profundo conhecedor das vias da região, Rogério lembra que o Parque da Mooca é um local apropriado para passeios de bicicleta com a família, além do Parque Ecológico Lydia Natalizio Diogo, em Vila Prudente, que possui um entorno que favorece o deslocamento.

Outra dica é a ciclorrota, um percurso de aproximadamente 8 quilômetros que sai do Clube Escola Mooca, na Rua Taquari, e percorre algumas vias da região, até o Sesc Belenzinho.

Acompanhando esse dinamismo das atividades e do interesse crescente pelo uso da bicicleta no dia a dia, em breve o site da RVS Bike irá disponibilizar um boletim informativo diário de tudo que acontece no mundo das bikes, além de tudo o que acontece na Mooca e região, porque seus proprietários entendem que foi essa integração com o bairro e seus moradores que levou a empresa ao sucesso, ao promover qualidade de vida através do esporte e lazer.

Enquanto Ricardo administra o andamento da loja e acompanha os passeios e eventos, Rogério, que já protagonizou inúmeras corridas de Mountain Bike, fica na linha de frente da organização geral dos passeios, participa deles também, e marca presença na loja que já se tornou um point de ciclistas, aficionados, e de figuras como Orlando Camacho, veterano ciclista com mais de cinco décadas de atuação, considerado o pai do bicicross brasileiro, que também participa dos passeios ciclísticos e teve sua loja na região.

Confira as novas modalidades de bikes para facilitar a escolha:

CycleChic – um movimento europeu no qualas bikes proporcionam às pessoas andarem com roupas de trabalho e vestidos, pois o quadro baixo facilita.

Urbano – um movimento de transporte urbano dentro das grandes cidades que utiliza bikes dobráveis para facilitar o acesso ao ônibus e metrô.

Comfort Bike – bikes que trazem conforto aos ciclistas, pois têm guidões altos e selins largos com molas, ideal para passeios em parques.

Mountain Bike – tradicionais bikes para uso em terrenos irregulares, mas que se integraram rapidamente ao uso nas grandes cidades.

Beach Bike – bikes sem marchas com quadros estilosos que dão a sensação de relaxamento ao pedalar.

Speed – bikes para praticantes de ciclismo de corrida.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As + Acessadas

Video