Gostoso, saudável e com conteúdo 0 856

Hambúrguer vegetariano, baião-de-dois e verde-mel, saúde, sabor e excentricidade na combinação inusitada do restaurante Seletti

Com conceito de culinária saudável, ou seja, equilíbrio, saúde e sabor, as seis opções de saladas, os sete tipos de grelhado ao óleo de canola ou azeite virgem, e os nove diferentes acompanhamentos, temperados com sal marinho, do Seletti, inovam o movimento dos fast-food. Com o objetivo de conscientizar as pessoas sobre o que elas estão comendo, o cardápio da casa é repleto de receitas nutritivas e saudáveis, e uma variedade de sucos, lanches e sobremesas.

Dentre todas, a Salada Orgânica (mix de folhas, quinua em grãos, tomate, pepino e salsa) e a Salada Pasta e Salmão (mix de folhas, penne, salmão defumado, tomate, pepino e dill) se destacam pela composição leve e aparência colorida. Hambúrguer de calabresa, truta, arroz 7 grãos, sanduíche no pão folha, tortinha de manjericão, gnochi, batata rústica e sorrentine são outras suculentas alternativas para degustar.

Como prato completo, a nutricionista da rede, Karol Tchiba, indica uma mistura balanceada, “os hambúrgueres vegetarianos, feitos com soja e tofu, de legumes ou ervas-finas, acompanhado do baião de dois e de alguns legumes, como cenoura, tomate, pimentão e abobrinha, resultam em uma excelente refeição”.

Mistura de arroz com feijão, o baião-de-dois é rico em vitaminas, proteínas e aminoácidos. Já o sal marinho, que tempera o grelhado, é sempre acompanhado de pimenta branca, e possui micro-nutrientes altamente benéficos para o controle do colesterol.

Por suas composições químicas, os melhores óleos para fritar são o de amendoim e o de canola. A principal diferença está na quantidade de gorduras insaturadas que cada produto tem. Além disso, alguns óleos degradam-se a temperaturas mais altas do que outros. Mas, em que isso influencia na hora de cozinhar? Os alimentos feitos em temperaturas mais baixas absorvem mais óleo, têm menos cor e menos sabor. A preparação em uma temperatura mais alta significa menos absorção de óleo, uma cor mais escura e textura mais crocante. “Não basta só ser light ou diet, precisa ser uma comida saudável. Você saber que está comendo algo que vai fazer bem é importante”, explica Karol.

Os sucos também apresentam receitas criativas, saudáveis, saborosas e extremamente inusitadas. Iobali (banana, limão e sorvete de iogurte), Moranja (morango e laranja), Mango (manga, laranja e erva-cidreira) e o GengiCoco (água de coco com gengibre) são algumas opções do menu. Mas, o verde mel é o verdadeiro destaque na prateleira das bebidas. Composto por suco de laranja, mel, folhas de espinafre e rúcula, é extremamente atraente, pelo aroma e paladar, além de ser uma ótima fonte de potássio, ferro, vitamina A e C.

Para sobremesa, o Cenorella, bolo de cenoura com ganache de nutella, desmancha na boca. “Outra opção que faz sucesso entre os clientes da casa é o sorvete de iogurte com calda de mel e gengibre”, conta Karol.

Os pratos são acompanhados por uma porção de molho especial, em vários sabores, selecionados de acordo com o paladar do cliente, como mostarda, iogurte, chimichurri, vinagrete e maracujá.

Confira como preparar em casa, uma das melhores receitas ‘gostosas com conteúdo’, do Seletti.

Baião de Dois
Porção para uma pessoa

Ingredientes: 200 ml de água; 55 g de arroz agulhinha – tipo 1; 30 g de feijão de corda; 5 g de lingüiça magra; ½ folha de louro; 1 fio de olho de soja; 10 g de cebola; ¼  de dente de alho; uma pitada de sal marinho; salsinha e cebolinha a gosto.  Modo de preparo: cozinhe o feijão com o louro em uma panela de pressão. Ao mesmo tempo, prepare o tempero. Retire a pele da lingüiça, corte-a em rodelas com grossura média, na seqüência corte-as em cubos. Com o auxílio de uma faca limpa e uma placa de altileno, corte a cebola e o alho, já limpos, em pequenos cubos. Reserve. Quando o feijão estiver pronto, separe os grãos do caldo, desprezando a folha de louro; o caldo deve ser reservado. Em uma panela grande, coloque o óleo e a lingüiça, com o auxílio de uma colher, refrite-a, até que fique dourada. Junte o alho, a cebola e o caldo de costela, ainda no fogo, acrescente o arroz. Depois que tudo estiver frito, coloque o caldo do feijão para cozinhar o arroz, experimente a água com o tempero. O sabor deve ficar um pouco salgado, só no caldo. Some as salsinhas e cebolinhas picadas. Assim que a água secar, verifique se os grãos do arroz estão bem cozidos, caso ainda não estejam, acrescente mais um pouco de água para terminar a cocção. Transfira o baião para um recipiente e sirva-o com os acompanhamentos.

Legumesingredientes: 60 g de pimentão; 60 g de tomate; 60 g de abobrinha; 1 fio de óleo de canola; uma pitada de sal. Modo de preparo: Lave e higienize os legumes. Tire as sementes do pimentão e corte-o em tiras. O tomate e a abobrinha devem ser cortados em rodelas. Deixe-os na chapa quente (200ºC), com o óleo de canola, por mais ou menos dois minutos, até dourar. Salgue. Os tipos de legumes para o prato podem ser modificados, sem problemas.

Grelhadoingredientes: 1 hambúrguer vegetariano (legumes ou ervas); 1 fio de óleo de canola; uma pitada de sal. Modo de preparo: escorra um fio de óleo de canola na chapa, regulada ao mesmo grau da anterior. Salgue o hambúrguer dos dois lados e deixe-o assar cerca de três minutos. Some ao restante da receita, para finalizá-la.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As + Acessadas